Você sabe a diferença entre psicólogo e psiquiatra?

Se você tem problemas de saúde mental, deve buscar o psicólogo ou um psiquiatra? Acontece que muitas pessoas não sabem ainda apontar a diferença entre psicólogo e psiquiatra na hora de marcar uma consulta.

Isso não é exatamente um problema, já que muitas vezes o psicólogo e o psiquiatra atuam em conjunto para resolver a doença do paciente. Porém, o que cada um faz para lidar com a situação do atendido por completo?

Prossiga com a leitura do artigo e veja quando deve procurar um psicólogo ou um psiquiatra para o seu caso!

Afinal, qual é a diferença entre o psicólogo e o psiquiatra?

“Apesar de ambos os profissionais lidarem com a saúde mental, a atuação dos dois difere em conceito e aplicação.”

Segundo os dicionários, a psicologia se trata de uma parte da filosofia que aborda a “alma e suas manifestações, além do estudo dos fenômenos psíquicos”. Basicamente, ela é a área da ciência que estuda a mente, o comportamento e as interações físicas/sociais.

Enquanto isso, a psiquiatria se trata da área que promove o estudo e o tratamento das doenças mentais.

Dessa forma, a psicologia é a “ciência da alma”, lidando com o aspecto social e comportamental das pessoas. Já a psiquiatria é a “medicina da mente”, cuidado da parte fisiológica e química relacionada ao cérebro humano.

Sendo assim, o psicólogo e o psiquiatria já diferem em conceito. Porém, as diferenças não param aí!

O que faz o psicólogo e o que faz o psiquiatra?

A primeira diferença prática reside no que faz o psicólogo e no que faz o psiquiatra. O psicólogo apresenta formação acadêmica em psicologia, resultado de 5 anos de graduação.

Com esse conhecimento, o profissional se preocupa em descobrir as causas dos problemas relacionados aos processos mentais, emocionais e comportamentais. Ele utiliza, para isso, técnicas conversacionais sem intervenções medicamentosas.

Enquanto isso, o psiquiatra apresenta graduação em medicina de 6 anos mais uma residência médica na área da psiquiatria de 3 anos. Com esse conhecimento, ele trata os problemas psicológicos focando na avaliação fisiológica e química do cérebro.

A meta do médico psiquiatra é identificar as alterações psicológicas para prescrever medicamentos que reduzam os sintomas. Não é seu papel investigar o lado social e filosófico da saúde mental.

Quais são as áreas da psicologia?

O que faz um psicólogo dentro da psicologia? O profissional pode se formar em mais de uma parte da área, podendo o paciente encontrar a:

  • Psicologia escolar;
  • Psicologia organizacional e do trabalho;
  • Psicologia de trânsito;
  • Psicologia jurídica;
  • Psicologia esportiva;
  • Psicologia clínica e hospitalar;
  • Psicopedagogia;
  • Psicologia social;
  • Neuropsicologia;

Como são os tratamentos?

Tanto o psiquiatra, quanto o psicólogo, são treinados para a psicoterapia, que se trata do procedimento de conversar com o paciente sobre os seus problemas. Porém, a partir da psicoterapia, surgem as diferenças.

Os psicólogos observam de perto o comportamento humano, investigando os padrões de sono e alimentares do paciente. Além disso, eles vão mais a fundo na investigação dos pensamentos negativos, indo atrás da raiz do problema (ou do que contribui para ele).

Enquanto isso, o que faz o psiquiatra? Considerando a presença mais forte da biologia e da neuroquímica, os psiquiatras tendem a realizar o diagnóstico de exclusão. Antes de definirem que há um problema mental, eles realizam alguns exames como:

  • De imagens;
  • Testes neurológicos;
  • Testes psicológicos;
  • Outros exames laboratoriais e físicos.

Os exames são realizados para se certificar que o problema não é causado por deficiência de vitaminas ou de hormônios. Após o diagnóstico inicial, os profissionais podem prescrever remédios para o tratamento e reabilitação.

Devo procurar um psicólogo ou psiquiatra onde e quando?

Ambas as áreas precisam de credenciamento para o exercício da profissão: o psicólogo é regulamentado pelos Conselhos Federal e Regional de Psicologia (CFP e CRP). Já o psiquiatra é regulamentado pelos Conselhos de Medicina (CFM e CRM).

O psicólogo pode atuar em consultórios particulares, hospitais, associações esportivas, no SUS e para empresas. Ele trata problemas de:

  • Luto;
  • Acidentes;
  • Estresse;
  • Dificuldades no trabalho;
  • Problemas de relacionamento;
  • Ansiedade e depressão;
  • Performance esportiva;

Já o médico psiquiatra atua em hospitais, consultórios particulares, ambulatórios e numa Rede de Atenção Psicossocial (RAPS). Ele trata de problemas como:

  • Depressão e ansiedade;
  • Estresse;
  • Esquizofrenia;
  • Dependência química;
  • Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC);
  • Transtornos alimentares;

É possível o trabalho multidisciplinar entre os profissionais das áreas?

Sim, sendo inclusive bastante recomendado. Dependendo do diagnóstico, o médico psiquiatra pode realizar o trabalho em conjunto com equipes multidisciplinares formadas por:

  • Psicólogos;
  • Médicos neurologistas;
  • Fonoaudiólogos;
  • Entre outras especialidades.

Um exemplo comum é no tratamento da depressão. Nesse caso, o psiquiatra é responsável por prescrever os medicamentos que aliviam os sintomas. Enquanto isso, o psicólogo ajuda o indivíduo a entender os problemas que levam a esse quadro.

Através dessa atuação conjunta, é possível levar o paciente a um estado onde ele pode lidar com o problema sem o uso de medicamentos.

Conclusão

“Devo procurar um psicólogo ou psiquiatra?”, essa é a pergunta mais comum para pessoas que passam por problemas de saúde mental. A verdade é que você pode contar com a ajuda de ambos os profissionais para lidar com a sua situação.

Agora que sabe a diferença entre o psicólogo e o psiquiatra, entende que a atuação conjunta dos dois pode ser mais benéfica. Se acha que precisa desses profissionais, marque agora a sua consulta com preço popular na clínica O Doutor!

Por |2022-01-31T14:57:17-03:0031/01/2022|odoutor, Psicologia, Psiquiatria, Saúde|Comentários desativados em Você sabe a diferença entre psicólogo e psiquiatra?

Compartilhe esta história, escolha sua plataforma!

Ir ao Topo