(84) 98726-2445   Av. Nevaldo Rocha, 3545 - Lagoa Seca, Natal - RN, 59022-385

Segunda a sexta-feira, 7h-18h - Sábados, 7h-12h

BlogCOVIDPneumonia por covid: quais os sintomas e como se prevenir?

Pneumonia por covid: quais os sintomas e como se prevenir?

Pneumonia Por Covid Quais Os Sintomas E Como Se Prevenir

A pneumonia é uma infecção que afeta os pulmões, órgãos duplos localizados um de cada lado da caixa torácica, e pode advir de causas diversas, a exemplo de bactérias, fungos e vírus.

Em pacientes com covid-19, doença ocasionada pelo novo coronavírus conhecido como SARS-CoV-2, a pneumonia pode ser resultado da lesão gerada por ele nos pulmões ou ainda uma resposta excessiva do sistema imune do organismo ao vírus.

Neste artigo, você entenderá melhor o que é a pneumonia por covid, quais são seus sintomas e como é possível preveni-la. Continue a leitura!

Afinal, qual é a relação entre a pneumonia e o novo coronavírus?

A entrada de gotículas que contêm o covid-19 no trato respiratório superior inicia a infecção pelo novo coronavírus. Dessa forma, quanto mais o SARS-CoV-2 se desenvolve, mais a infecção pode avançar para os pulmões.

De forma mais detalhada, são bactérias, vírus ou fungos que atacam os alvéolos pulmonares e os deixam inflamados e preenchidos com fluidos, comprometendo, assim, o funcionamento do pulmão. É esse caminho que permite o surgimento e progresso da pneumonia.

Além do mais, enquanto o sistema imunológico combate o organismo invasor, como o vírus, a inflamação possibilita que fluidos e células mortas se concentrem nos pulmões. Isso prejudica a transferência de oxigênio, causando tosse e falta de ar.

A pneumonia provocada pelo novo Coronavírus tem uma peculiaridade, se comparada às outras doenças: ela inflama áreas menores e mais numerosas do pulmão e permanece por mais tempo nos órgãos após se hospedarem neles, o que torna o quadro mais grave.

Isso ocorre porque, segundo estudo, depois de se alojar no órgão em questão, o vírus Sars-CoV-19 rouba as células de imunidade do pulmão e as utiliza para se multiplicar por dias ou até mesmo semanas.

Existe diferença entre a pneumonia comum e a ocasionada pelo covid-19?

Na prática, os sintomas da pneumonia causada pelo covid-19 podem ser similares aos da pneumonia comum.

Sendo assim, torna-se ainda mais desafiador afirmar o que exatamente está causando a condição sem que sejam feitos testes para o novo coronavírus.

Por isso é tão importante se consultar com um pneumologista para que o profissional possa solicitar os exames necessários para um diagnóstico efetivo.

Há uma pesquisa sendo feita pela Universidade de Oxford, instituição renomada de ensino superior do Reino Unido, para definir como a pneumonia do covid-19 se distingue de outras variantes dessa infecção pulmonar.

Os dados de tal estudo [em inglês] podem contribuir consideravelmente para o diagnóstico e melhor compreensão de como o SARS-CoV-2 afeta os pulmões. Ele usou tomografias computadorizadas e testes laboratoriais para comparar as características clínicas pneumonia causada pelo covid-19 a outros tipos de pneumonia e as descobertas foram promissoras.

Constatou-se, por exemplo, que infectados com pneumonia pelo novo coronavírus estavam mais predispostos a ter pneumonia que compromete ambos os pulmões, em vez de apenas um.

Quais são os sintomas da pneumonia por covid?

Os sintomas da pneumonia por covid são muito parecidos com os sintomas de outros tipos de pneumonia. Estes são os principais:

  • febre;
  • falta de ar;
  • tosse seca;
  • fadiga física que vai além de um mero cansaço; e
  • dor no peito ao respirar profundamente ou tossir.

Até então, nota-se que a maioria dos casos de COVID-19 envolve sintomas de leves a moderados. Em outros casos, todavia, o covid-19 pode causar problemas muito mais sérios.

Um relevante estudo chinês [em inglês] descobriu que aproximadamente 14% dos casos de SARS-CoV-2 eram graves, podendo desenvolver um quadro pior de pneumonia, e 5%, críticos, podendo a pneumonia evoluir para a Síndrome Respiratória Grave Aguda.

Está claro, então, como o quadro de pneumonia pode variar, afetando cada indivíduo de forma diferente. Por isso a importância de uma análise caso a caso.

Como prevenir a pneumonia por covid?

Alguns grupos estão mais sujeito a contrair a pneumonia por covid, dentre eles adultos com 65 anos ou mais de idade; pessoas de qualquer idade com problemas de saúde subjacentes, como doenças renais crônicas e hepáticas e obesidade; e indivíduos com o sistema imunológico debilitado, como os em tratamento de câncer e os soropositivos (HIV).

Ainda não há um procedimento próprio para tratar a pneumonia por covid. Os que são aplicados atualmente se concentram em cuidados assistenciais e de suporte, o que significa aliviar os sintomas e garantir que o paciente receba a quantidade de oxigênio da qual necessita.

Diante dessa falta de intervenções eficazes na hora do tratamento, torna-se imprescindível se prevenir e cuidar para não ser acometido pela doença. Veja, portanto, as principais práticas para se proteger da pneumonia por covid:

  • vacinar bebês com a Tríplice (DTP) e a Pneumo-10;
  • vacinar-se contra a Covid-19 e contra a gripe; e
  • praticar atividades físicas regularmente.

Além do mais, para prevenir a pneumonia de modo geral, é preciso estar atento aos fatores de risco, que são:

  • o uso de nicotina, que suscita reação inflamatória e colabora para a infecção por microrganismos;
  • o abuso de álcool, que atinge o sistema imunológico e a capacidade de defesa do aparelho respiratório; e
  • a utilização frequente de ar-condicionado, pois o aparelho deixa o ar muito seco e isso favorece a infecção por vírus e bactérias.

Considerações finais

Ainda que grande parte dos casos do novo coronavírus sejam mais amenos, ficou claro que a pneumonia por covid é uma complicação potencial.

Atualmente, não existe um tratamento determinado para combater o covid-19. No caso de pessoas com pneumonia por covid, especificamente, o que há no momento são os cuidados de apoio para que seja possível aliviar os sintomas e garantir o recebimento de oxigênio suficiente.

Uma maneira eficaz de lutar contra a doença é evitando-a por meio das práticas recomendadas no tópico anterior. Prevenção e autocuidado são as palavras-chave.

Precisando cuidar melhor de você? Conte com a clínica O Doutor. Temos diversas especialidades médicas, dentre elas o pneumologista. Marque agora mesmo sua consulta conosco e tenha acesso a o que há de melhor para sua saúde!


  • Inicial
  • Quem Somos
  • Especialidades
  • Exames
  • Blog
  • Contato